Universa

Rosto, axilas, virilha e até o ânus podem ser clareados. Conheça técnicas

Getty Images
O Q-switch é um tipo de laser utilizado para clarear a pele das axilas e de outras regiões Imagem: Getty Images

Do UOL

15/05/2017 04h00

Não faltam novos produtos e tecnologias capazes de retirar manchas, marcas e sinais, contribuindo para melhorar o aspecto geral da pele. As técnicas, aplicadas após avaliação médica, que leva em conta o problema e o tipo de pele de cada pessoa, podem ser usadas no rosto, colo, mãos e pescoço com a vantagem de rejuvenescer, mas também em regiões normalmente mais escuras, pelo atrito com a roupa ou a própria pele, como axilas, virilha e até o ânus. “É preciso primeiro descartar enfermidades, como o câncer de pele, e problemas relacionados a outras doenças, como acantose nigricans, escurecimento das axilas e do pescoço comum em pessoas obesas ou com tendência a ter diabetes”, afirma a dermatologista Flavia Ravelli, especialista pela Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Veja as principais técnicas de clareamento de pele:

Cremes, géis e séruns

Como funciona: os tratamentos tópicos são feitos com cremes, géis ou séruns à base de substâncias clareadoras, como os ácidos (kójico, tranexâmico, azelaico, alfa hidroxiácidos, alfarbutin). Quando o tratamento é facial, nas mãos ou colo, é preciso usar protetor solar com fator de proteção alto, acima de 50. No rosto, são indicados os com cor de base ou o branco com maquiagem por cima, para proteger contra a luz visível, emitida pelo computador e pelos celulares, que contribui para manchar a pele. Podem ser aplicados em casa seguindo a recomendação médica.

Regiões: rosto, mãos, axilas, virilha e cotovelos.

Duração: o ideal é que o tratamento seja contínuo; produtos podem ser combinados ou alternados.

Preço: de R$ 50 a R$ 200, em média, cada creme.

Peelings

Como funciona: são técnicas de esfoliação com substâncias químicas, que pode ser superficial ou média, dependendo do produto. Os principais são os ácidos (retinoico, glicólico, mandélico, alfa hidroxiácido), aplicados para remover as camadas superficiais da pele, para facilitar a penetração de outros agentes ou remoção de manchas.

Regiões: rosto, virilha, axilas e cotovelos.

Duração: 3 sessões (superficial) ou 1 sessão (médio) com intervalo de um mês a 45 dias.

Preço: R$ 180 a R$ 300 (superficial), de R$ 300 a R$ 800 (médio).

Microagulhamento

Como funciona: diversas agulhas muito finas são passadas na pele através de um rolo, de forma a estimular a produção de colágeno. Estudos demonstram a eficácia do microagulhamento no tratamento de manchas, principalmente do melasma, mancha facial difícil de tratar, que costuma aparecer na gravidez.

Regiões: rosto, colo e em regiões que tenham estrias.

Duração: de 2 a 3 sessões com intervalo de um mês.

Preço: R$ 1 mil por sessão.

Laser e luz pulsada

Como funciona: na luz intensa pulsada e no Q-switch, o feixe de luz penetra na pele e destrói a melanina, pigmento responsável pelo escurecimento. Nos lasers fracionados, o principal efeito é rejuvenescimento: eles estimulam a pele a produzir mais colágeno, diminuem as rugas, e o efeito clareador é um bônus. As aplicações devem ser feitas em consultório médico.

Regiões: rosto, pescoço, colo, pernas, virilha, axilas. A luz pulsada e o Q-switch podem ser aplicados na região ao redor do ânus, com energias baixas e número maior de sessões.

Duração: de 3 a 6 sessões (luz intensa pulsada), de 3 a 10 sessões (Q-switch), 1 sessão (laser fracionado).

Preço: de R$ 500 a R$ 1 mil por sessão (luz intensa pulsada), de R$ 800 a R$ 1 mil a sessão (Q- switch) de R$ 800 a R$ 1 mil reais a sessão (laser fracionado leve) e R$ 2 mil a R$ 5 mil (intenso).

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!

Mais Universa

Topo