Universa

Quer ser modelo? Top Renata Kuerten e participantes de reality dão dicas

Divulgação
A modelo Natália Souza, de Salvador (BA) Imagem: Divulgação

Caio Sini

Colaboração para o UOL, em São Paulo

04/05/2017 04h00

Glamour, roupas de grife e viagens. É isso que motiva muitas pessoas a querer ser modelo e buscar as passarelas e os ensaios fotográficos como meio de levar a vida. Mas não é fácil começar nessa carreira: logo surgem as primeiras dificuldades, como fotografar um book e ser aceito por uma agência.

Natália Souza, 17, é participante do reality "Casa das Modelos", da Rede TV!. Iniciante no ramo, ela diz que é preciso muita paciência. “Você vai receber muitos nãos, não será aceito logo de cara numa agência. Nem sempre haverá castings e você tende a se colocar para baixo. Então precisa ser positiva sempre”.

A garota diz ter sentido na pele a exigência para entrar nesse mercado. “O setor é muito exigente. A pele tem que estar sempre perfeita, o andar, o modo de se vestir...”, complementa. Para ela, beleza é apenas um complemento para se inserir na profissão. “Há modelos que nem são tão bonitos e são considerados exóticos. Você se pergunta 'como ele está em uma passarela?'. O que importa muito são a saúde mental e física, além das medidas”, disse.

Vanessa dos Santos, 16, também é participante do reality e foi descoberta por um olheiro de uma agência em Timbó (SC). “Eu nunca tinha corrido atrás para ser modelo. Uma mulher da minha cidade conhecia o olheiro, que é de Balneário Camboriú, e me indicou. Aí ele veio até mim e me trouxe para São Paulo”, conta.

Divulgação
Renata Kuerten, do "Conexão Models" Imagem: Divulgação

Preparação e disciplina são diferenciais

Apresentadora do "Conexão Models", a top model Renata Kuerten é inspiração para muitos que desejam começar uma carreira na moda. Segundo ela, além de querer muito, é preciso descobrir seu estilo. “Primeiro, tem que ver se você tem perfil para isso. Vá a uma agência e pergunte se você se encaixa. Não precisa ser alto ou magro, até porque não tem mais isso. A agência vai indicar se você pode ser modelo fotográfico, de revista ou passarela”, ensina.

Segundo ela, passado esse primeiro contato, é preciso estar bastante focado para seguir na carreira e ser bastante educado. “É preciso ter muita disciplina, sempre ter muito respeito pelas pessoas e pelos profissionais com quem você vai trabalhar. Tratar todo mundo bem, da camareira ao fotógrafo”, completa.

Renata ressalta também que pontualidade e cuidados pessoais são fatores essenciais para se ter sucesso. “Pontualidade é uma das coisas pelas quais mais pegam no pé. É preciso estar sempre em dia com as unhas, corpo, depilação... Tem que estar sempre preparada para qualquer ocasião, porque pode surgir um casting”, diz.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!

Mais Universa

Topo