Topo

Universa

Campanha mostra que enxergar além das aparências ajuda a evitar suicídios

Divulgação
"Por trás da cara corajosa, alguém pode estar precisando muito de ajuda"; um dos flyers da campanha da ONG Imagem: Divulgação

Do UOL

17/04/2017 10h15

Depois da estreia de 13 Reasons Why, série da Netflix que trata de bullying e suicídio, subiu 445% o número de e-mails com pedidos de ajuda recebidos pelo Centro de Valorização da Vida (CVV) no Brasil. O fato do suicídio ser a principal causa de morte entre pessoas com menos de 35 anos no Reino Unido fez com que a Papyrus, uma instituição que tenta diminuir as taxas de suicídio entre jovens no Reino Unido, lançasse uma campanha para falar sobre o tema.

A ideia da campanha é estimular as pessoas a ir a fundo em suas relações para conhecer melhor as pessoas mais próximas e ir além do que elas mostram nas redes sociais. 

Segundo os especialistas da instituição, muitas pessoas que enfrentam pensamentos suicidas disfarçam seus problemas, por isso, a importância de conversar e entender os sentimentos são fundamentais para ampará-las.

Segundo uma pesquisa da própria Papyrus, 56% das pessoas declararam que não conversariam com um parente ou amigo angustiado sobre esse tema. E o principal motivo (24%) seria o medo de colocar o suicídio na cabeça da pessoa ao menciona-lo, ideia que a ONG diz estar equivocada. Para eles, falar abertamente sobre o suicídio é o melhor caminho para evitar mais mortes.

Divulgação
"2.000 amigos nas redes sociais. Nenhum com quem compartilhar seus sentimentos suicidas" Imagem: Divulgação
Divulgação
"Parece que as coisas estão bem difíceis agora? Você pode me falar mais? -- Pergunte sobre suicídio" Imagem: Divulgação

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!

Mais Universa