Universa

Livraria "esconde" autores homens para mostrar desigualdade de gênero

Reprodução/Facebook
"Ilustrando a diferença de gênero na ficção. Silenciamos os autores homens, deixando somente as obras de mulheres expostas" Imagem: Reprodução/Facebook

Do UOL

10/03/2017 09h08

A livraria Loganberry Books, em Cleveland (EUA), escolheu uma maneira inusitada para mostrar como o mundo da literatura também está dominado pelo gênero masculino. Na semana passada, funcionárias viraram todos os livros escritos por homens nas prateleiras e nos estandes somente foram expostas obras de mulheres.

O resultado é explícito: a loja está dominada por livros escritos por homens. A ação silenciosa faz parte da comemoração do mês das mulheres.

Reprodução/Facebook
O resultado da iniciativa Imagem: Reprodução/Facebook

Jane Bhandari, escritora de Bombaim, comentou em uma das fotos que a realidade é global. “Eu conheço esta luta também. Tenho um espaço separado para autoras nas minhas estantes e, tristemente, não chega a 25%. Uma razão talvez seja a de que homens geralmente escrevem com uma mulher que está ao lado deles para preparar as refeições ou servindo xícaras de chá”, diz.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está fechada

Não é possivel enviar comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!

Mais Universa

Topo