menu
Topo

Relacionamentos

Quer salvar o relacionamento ou esquecer alguém? Estudo diz que é possível

Getty Images
Imagem: Getty Images

Do UOL

22/12/2016 14h05

Até a ciência já entendeu que amar pode ser doloroso. Porém, um estudo conduzido pelas universidades Missouri–St. Louis (EUA) e Erasmus de Rotterdam (Holanda) que provar que pode até ser difícil não sofrer se o casamento já não é tão bom ou se o relacionamento acabou. mas não é impossível.

O estudo testou 40 participantes em longos relacionamentos e recém-separados. Os testes apresentam algumas estratégias para quem gosta além da conta ou menos do que o desejado. Distrações, evitar contato e adotar atividades novas parecem resolver esse desequilíbrio.

No teste com resultados mais contundentes, as pessoas foram convidadas a olhar para fotos dos companheiros e ex-companheiros e depois deveriam responder às fotos com impressões positivas e negativas sobre o parceiro e sobre o relacionamento em geral. Foi detectado pelas ondas cerebrais que os participantes se sentiam mais ligados ao parceiro quando pensavam nas boas coisas - o que ajudaria em um "reencantamento" - e o contrário também foi visto: apontar e focar aspectos ruins dá a impressão de um afeto mais fraco (e isso poderia curar a dor de um término).

Para os pesquisadores, estes dados provam que é, sim, possível controlar os sentimentos e que a pesquisa mostra algumas saídas para sofrer menos por amor, ou pela falta dele.

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!