Topo

Moda


Moda

"Tenho me aproximado de pessoas que magoei para me desculpar", diz Galliano

Reprodução/Maxime Bruno/Canal +
John Galliano em entrevista ao programa francês "Le Supplément", no Canal Plus Imagem: Reprodução/Maxime Bruno/Canal +

Do UOL, em São Paulo

2014-09-17T10:49:34

17/09/2014 10h49

John Galliano deu sua primeira grande entrevista a um programa televisivo na França desde 2011, quando foi demitido da Dior, depois que uma câmera o flagrou proferindo comentários antissemitas em um café de Paris. Em 2013, ele participou do programa de Charlie Rose, na TV norte-americana. O programa “Le Supplément” foi ao ar no domingo (14).

Durante a conversa com a apresentadora Maïtena Biraben, Galliano disse que, aos poucos, está retomando seu contato com o universo criativo, mencionando seu trabalho como diretor-criativo da rede de perfumaria russa L’Etoile e como mentor de quatro estudantes da Central Saint Martins, em Londres. Ele ainda acrescentou que tem interesse em retomar seu trabalho dentro do universo da moda, porém aos poucos. "Um passo de cada vez", disse. 

O famoso vídeo foi mostrado durante a entrevista e o estilista comentou que tal registro salvou sua vida. "Eu estaria morto agora. Isso aí é o que chamamos de fundo do poço", afirmou. "O lado positivo: há apenas uma direção e ela é para cima. Impossível ir ainda mais para baixo do que isso.” E, novamente, ele fez questão de dizer que não é antissemita. “Eu não posso convencer a todos e sei que algumas pessoas jamais me perdoarão. Eu entendo. Mesmo assim, tenho tentando me aproximar de pessoas que magoei para me desculpar. Faz parte da minha recuperação.”

Segundo ele, uma dessas pessoas é o CEO do grupo LVMH, Bernard Arnault, que estaria se recusando a atender seus telefonemas. “Estou esperançoso. Espero um dia poder visitá-lo e explicar o que aconteceu.” Apesar de tudo, Galliano diz que se encontra em boa fase. “Eu tinha tudo e era infeliz. Hoje, posso dizer que sou feliz. Apesar de ter perdido muito, eu também ganhei um monte. Estou vivo e tive a chance de trabalhar os meus problemas. E, eventualmente, quando eu voltar para a indústria de moda, saberei que a indústria não mudou, mas eu mudei minha perspectiva sobre ela.”$escape.getHash()uolbr_quizEmbed('http://mulher.uol.com.br/moda/quiz/2014/07/27/voce-sabe-de-qual-estilista-famoso-e-essa-frase.htm')