Topo

Moda

Acomb mostra trabalho artesanal de comunidade do Rio em desfile com muitas modelos negras

Alexandre Schneider/UOL
Entre as estampas alegres e coloridas da Acomb, o destaque ficou para a amarela de casinhas Imagem: Alexandre Schneider/UOL

CAROLINA VASONE<br>Enviada especial ao Rio de Janeiro

12/01/2008 18h30

Grife formada pela ONG Ação Comunitária do Brasil do Rio de Janeiro, que tem mais de quarenta anos, a Acomb desfilou coleção alegre, que misturava o trabalho das artesãs da comunidade de Cidade Alta (zona norte carioca) com tendências de moda, orquestradas pelo estilista Beto Neves, da marca Complexo B.

A marca foi a que mais usou modelos negras na passarela do Fashion Rio, mostrando alegres e boas estampas inspiradas na cidade e na favela. Destaque para a de janelinhas de casas, em fileiras amarelas. Na modelagem, manguinhas abertas curtas, sainhas bufantes e balonês, calça saruel e vestidos retos mais sequinhos seguiram algumas das tendências de moda do momento, numa cartela de cores alegre, vibrante e afirmativa, de pink, amarelo, preto e branco. Os bordados apareceram nos paetês aplicados em fileiras e nas fitas coloridas de cetim, formando listras em algumas peças.

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!