Topo

Moda

Mesmo comportado, Walério Araújo faz o desfile mais abusado da Casa de Criadores

Alexandre Schneider/UOL
Modelo com tapa-sexo de franjas pretas fecha desfile de Walério Araújo Imagem: Alexandre Schneider/UOL

CAROLINA VASONE<br>Editora de UOL Estilo

01/11/2006 15h54

A Casa de Criadores ainda tem sua última noite pela frente - a desta quarta (1/11) - mas Walério Araújo já fez, provavelmente, o desfile mais abusado da temporada, como já se esperava.

Ao som de funk carioca, o estilista colocou na passarela, para fechar o desfile, uma versão contemporânea "luxuosa" de Eva, com um tapa sexo de franjas pretas acompanhado de um top de organza volumoso, formando flores.

Embora a imagem tenha causado frisson, a maior parte da coleção, se comparada às anteriores, vem numa versão mais comportada, mais "ladylike", com vestidos em tom de pele com debruns (frisos) em preto, com decotes mais fechados, saias rodadas curtas. A combinação chique do pele com o preto apareceu também em shortinhos e blusas em tecidos levemente transparentes como a musseline, o tule e a organza. Grandes flores como a "flor top" que abriu o desfile enfeitaram os modelos e apareceram, em paetês, de diversas cores, bordadas nas peças.

O final da apresentação - antes da "peladona" - ainda contou com uma série de vestidos de festa em tons fortes de verde, amarelo e vermelho tomate.

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!