menu
Topo

Política

Barbados contará pela primeira vez na história com uma primeira-ministra

Getty Images
Imagem: Getty Images

da EFE, em Bridgetown

25/05/2018 09h47

A advogada Mia Mottley, de 52 anos, se tornará a primeira mulher chefe de Governo da história de Barbados após a vitória do Partido Trabalhista (BLP) nas eleições no país.

O líder do governante Partido Democrático do Partido Trabalhista (DLP), Freundel Stuart, reconheceu nesta sexta-feira oficialmente a derrota, antes de anunciar que se aposentava da vida política.

Veja também

Em uma declaração pública desde a sede do partido, Stuart reconheceu a "derrota avassaladora" do DLP, da qual assumiu "toda a responsabilidade", e felicitou Mottley pela vitória.

A apuração de votos, que começou com mais de duas horas de atraso após o fechamento dos centros de votação, projeta uma clara vitória para o BLP, que poderia chegar a obter as 30 cadeiras do Parlamento, segundo veículos de imprensa locais.

Mottley liderou as votações desde o início da apuração e os seus seguidores encheram as ruas da capital, Bridgetown, para celebrar a vitória.

De acordo com a comissão eleitoral, o atraso do apuração ocorreu devido a uma decisão judicial de última hora que ordenava a inclusão de 18 pessoas aptas para votar, o que obrigou a reorganizar o dispositivo.

No total, 542 centros de votação abriram suas portas na quinta-feira em uma jornada eleitoral na qual não foram registrados incidentes destacados até o momento do apuração.

Nestas eleições, houve um número recorde de 135 candidatos e sete partidos políticos.

Mottley se une à lista composta por Dame Eugenia Charles, de Dominica; Janet Jagan, da Guiana; Portia Simpson Miller, da Jamaica; e Kamla Persad Bissessar, de Trinidade e Tobago, como mulheres que governaram em seus respectivos países, todos membros da Comunidade do Caribe (Caricom).

Independente do Reino Unido em 1966, Barbados conta com pouco mais de 430 quilômetros quadrados de superfície e uma população, majoritariamente de raça negra, de 277 mil habitantes.