Universa

Italiano é preso após fotograr traseiros de 3 mil mulheres

Christian Fraser

BBC News

13/05/2008 12h17

Um homem foi preso na terça-feira, em Veneza, na Itália, acusado de fotografar os traseiros de mais de três mil mulheres. Os policiais suspeitaram do homem, de 38 anos, após o flagrarem seguindo mulheres de minissaia munido de uma bolsa grande.

Um vídeo gravado pela polícia mostrou que assim que elas paravam ou abaixavam o homem tentava posicionar a bolsa logo atrás de suas pernas. De acordo com os policiais, ele tinha uma câmera escondida e fazia as fotografias a partir de um buraco em um dos lados da bolsa.

Após efetuar a prisão, os agentes encontraram vários DVDs com mais de três mil imagens de traseiros. O homem confessou ter agido ao longo de dois anos na Praça de São Marcos e em suas redondezas.

A polícia não divulgou o nome do acusado, se limitando a dizer que ele é casado e tem dois filhos. Se condenado, poderá pegar pena de seis meses a quatro anos de prisão.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

{{subtitle}}

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{ user.alternativeText }}
Avaliar:
 

O UOL está testando novas regras para os comentários. O objetivo é estimular um debate saudável e de alto nível, estritamente relacionado ao conteúdo da página. Só serão aprovadas as mensagens que atenderem a este objetivo. Ao comentar você concorda com os termos de uso. O autor da mensagem, e não o UOL, é o responsável pelo comentário. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!

Mais Universa

Topo