menu
Topo

Universa

Vítimas de abuso no Chile participam de missa do Papa no Vaticano

Andreas Solaro/AFP PHOTO
James Hamilton (esq.) e sua esposa e Juan Carlos Cruz (à direita) Imagem: Andreas Solaro/AFP PHOTO

29/04/2018 14h20

Os três chilenos vítimas de abuso sexual cometido pelo padre Fernando Karadima compareceram neste domingo (29) ao Ângelus celebrado pelo papa Francisco, no Vaticano, na Itália.

Jose André Murillo, James Hamilton e Juan Carlos Cruz assistiram a missa direto de uma sacada do palácio apostólico, local destinado a convidados, ao lado de suas famílias.   

Duas das vítimas já se reuniram separadamente com Francisco e em publicação no Twitter, Murillo e Hamilton, relataram sobre o encontro e falaram sobre o desejo de justiça.   

"Falei por duas horas com o Papa. De maneira muito respeitosa e franca, expressei a importância de entender o abuso como um abuso de poder e a necessidade de assumir responsabilidade, atenção e não apenas perdão", explicou Murillo.   

Já Hamilton definiu o encontro como "sincero, acolhedor e enormemente construtivo", além de afirmar que está "muito feliz e satisfeito".   

Neste domingo, o Pontífice ainda se encontrará com Cruz, vítima que garante que o bispo de Osorno, Juan Barros, 61, acobertava os casos de violência sexual.   

"Muito feliz de ver saírem de suas conversas com o Papa meus queridos amigos Jimmy e José, tranquilos, em paz e sentindo-se muito acolhido pelo Santo Padre. Obrigado a todos vocês por tanto carinho", tuitou Cruz. Os três estão hospedados desde sexta-feira (27) na Casa Santa Marta, residência do Papa dentro do Vaticano. 


Facebook Messenger

Receba seu horóscopo diário da Universa. É grátis!

Mais Universa