menu
Topo

Horóscopo

O relacionamento de Câncer com outros signos

21/03/2016 16h49

Sinastria dos signos

  • Fernando Leal

    Câncer e Áries

    Ambos gostam de movimento, novos começos e iniciativas. Mas a natureza do canceriano é emotiva, retraída e intimista. O ariano é mais enérgico, rápido e extrovertido. É comum ter dificuldade na sintonia de ritmo entre os dois. Há alguns cuidados a serem tomados, pois os cancerianos são sensíveis, apegados, com tendência para chantagens emocionais. Os arianos são independentes, não têm muita paciência para discutir a relação. Para uma união mais duradoura, Câncer deve estar aberto para se deixar levar pelo entusiasmo de Áries, que, por sua vez, precisa estar receptivo ao carinho, ao cuidado e ao acolhimento de Câncer. Na vida sexual podem ter um bom entendimento, desde que o canceriano não se torne muito grudento. Nos assuntos profissionais e econômicos, o canceriano deve deixar o ariano tomar as decisões, já que ele gosta de comandar. Por outro lado, o ariano precisa ouvir os conselhos do canceriano, que é mais prudente e comedido. O desafio é encontrar o equilíbrio entre coragem e prudência.

  • Fernando Leal

    Câncer e Touro

    A parceria amorosa entre Touro e Câncer tem grande potencial para o casamento. Câncer traz as qualidades de proteção, cuidado, sensibilidade, acolhimento. Touro tem as qualidades de constância, carinho, comprometimento. Eles terão a chance de construir juntos uma casa e uma família. Sexualmente, é possível que alcancem níveis elevados de prazer e entendimento. Touro aprecia as demonstrações carinhosas de Câncer, que também gosta de colo, intimidade e afeto. São motivados pelo romantismo. Os dois valorizam os prazeres simples da vida e privilegiam um clima mais tranquilo, seguro, intimista e caseiro. O bem-estar para eles vem em primeiro lugar. Nos negócios ou no trabalho também é provável que se deem muito bem, pois ambos buscam segurança e estabilidade. Porém, há desafios: os dois são muito prudentes e sensíveis. Podem se aborrecer por bobagens. É preciso buscar o equilíbrio na relação: o taurino sendo menos teimoso e o canceriano menos emotivo.

  • Fernando Leal

    Câncer e Gêmeos

    Este é um encontro de duas pessoas com qualidades muito diferentes. Câncer é sensível, emotivo, ligado à família, gosta de cuidar das pessoas queridas e necessita de um clima harmonioso para prosperar. Gêmeos é independente, inquieto, mental, está sempre em busca de novidades. Sexualmente, Gêmeos proporcionará ao seu parceiro novas experiências, sensações e emoções; o nativo de Câncer, por sua vez, oferecerá calor, acolhimento e proteção. De qualquer forma, é preciso um real compromisso entre eles para que o relacionamento dure. Nos assuntos econômicos podem surgir alguns conflitos: para os cancerianos, segurança e estabilidade econômica são fundamentais; e os geminianos são mais imediatistas e menos preocupados em garantir estabilidade. O nativo de Gêmeos gosta de estímulos intelectuais e age motivado pela razão, já o de Câncer segue o lado mais emocional. Os geminianos devem compreender essa natureza temperamental dos cancerianos para cultivar uma relação mais profunda. E o desafio de Câncer é atravessar a superficialidade de Gêmeos para alcançar um comprometimento maior.

  • Fernando Leal

    Câncer e Câncer

    Sempre que duas pessoas do mesmo signo se encontram descobrem muitas afinidades. Os cancerianos valorizam os laços afetivos, a família, a casa e a natureza. Sentimentais, românticos, acolhedores, gostam de contar histórias e relembrar o passado, bem como de antiguidades, museus e política. São preocupados com a segurança do lar e prudentes em relação aos assuntos econômicos. No início da relação são galanteadores, ternos e protetores. Mas com o tempo podem ser tornar mais reservados e retraídos. Por vezes, são melindrosos e quando ameaçados, até agressivos. É preciso um cuidado maior para evitar magoar a alma sensível do parceiro. Apesar de sua timidez natural, é esperto e quando for preciso, apresentará coragem. Em períodos de crise se mostram fortes e resistentes. A parceria entre eles irá amadurecer quando houver compreensão. Dois cancerianos têm a possibilidade de compartilhar uma vida juntos: sempre fiéis, tanto nos momentos alegres quanto nos momentos tristes.

  • Fernando Leal

    Câncer e Leão

    São signos com qualidades muito diferentes. Leão é confiante, alegre, entusiasmado, orgulhoso e ambicioso. Câncer é tímido, retraído, emotivo e acolhedor. É possível que haja forte paixão no início, mas ambos devem se conhecer e se compreender para se complementarem. Sexualmente, Leão aprecia uma companhia carinhosa a atenciosa. Câncer já é mais precavido, pelo menos no começo do relacionamento – com tempo e paciência conquistarão cumplicidade nos momentos íntimos. Leão é festivo, social, extrovertido e adora de ser o centro das atenções. Câncer não gosta de chamar a atenção e prefere as reuniões mais íntimas. É essencial amor e comprometimento para que consigam superar as diferenças. Há necessidade de uma atenção maior para não se magoarem mutuamente. É importante que Câncer forneça apoio emocional e incentive as ambições de Leão, para que possam progredir juntos na vida. Ao mesmo tempo, o leonino deve respeitar a sensibilidade e as particularidades de Câncer, sem se irritar com ele.

  • Fernando Leal

    Câncer e Virgem

    É possível que a atração e o amor entre estes apareçam aos poucos, a partir de uma amizade, por exemplo. Depois de certo tempo é provável que percebam como se completam, já que as qualidades de um cobrem as carências do outro. Câncer é acolhedor, emotivo, ligado ao lar e à família. Virgem é prático, detalhista, racional e dedicado. O carinho, o cuidado, a simplicidade e o estilo atencioso de Câncer fará com que o virginiano se sinta mais tranquilo e relaxado. Já o canceriano vai admirar a inteligência, a honestidade e a objetividade de Virgem. A sensibilidade de Câncer contribui para adoçar a vida prática e organizada de Virgem. Ao mesmo tempo, a boa capacidade de discernimento e o olhar detalhista de Virgem tendem a colocar ordem no caótico mundo dos cancerianos. Ambos têm interesses em comum: valorizam a segurança, a economia, a simplicidade e a fertilidade, além de serem mais tímidos e retraídos. Com diálogo e fidelidade, podem ter uma relação duradoura e uma família numerosa, se assim o quiserem.

  • Fernando Leal

    Câncer e Libra

    Nesta combinação os dois encontram mais características e interesses divergentes do que qualidades em comum. Libra é mental, sociável e extrovertido. Câncer é reservado, sensível e intimista. Sexualmente, Libra se mostra mais espontâneo e Câncer mais desconfiado. É preciso tempo e disposição para que o canceriano ganhe mais confiança e se abra. Aos poucos, encontrarão sintonia na vida íntima. Ambos partilham do romantismo, do gosto pela arte e pela cultura. Mas Câncer pode se sentir incomodado com a sociabilidade e a inquietude de Libra, que tende a ficar entediado com o estilo emotivo, caseiro e retraído de Câncer. Há chances de a parceria prosperar, mas se houver amor real, se os dois aprenderem a respeitar suas diferenças. Os cancerianos, geralmente, se apresentam fechados, silenciosos e taciturnos. Os librianos são mais abertos para os diálogos e as trocas intelectuais. É importante que o canceriano esteja disposto a aprender com o libriano a ser mais leve e sociável. Simultaneamente, o libriano deve se inspirar no canceriano a fim de ser mais carinhoso e atencioso.

  • Fernando Leal

    Câncer e Escorpião

    Eis uma junção desafiadora. Se conseguirem superar as armadilhas iniciais, conquistarão uma das mais completas relações. Ciúmes e melindres emocionais ameaçam dividi-los, mas o amor e a química sexual irão promover mais união. Aos poucos, o intenso, apaixonado e determinado Escorpião vai desbloquear o tímido Câncer, que inicialmente costuma ser mais inibido e precavido. Sexualmente, esta parceria é extremamente sensual. Tanto Câncer quanto Escorpião são intuitivos. Câncer é regido pela Lua, Escorpião por Plutão: são planetas que falam dos processos instintivos e inconscientes. Esse fator vai ajudá-los a perceber suas necessidades mais íntimas. É possível que cada um compreenda os defeitos e as fraquezas do outro e também incentivem as qualidades e os talentos de seu companheiro. Se houver comprometimento, conseguirão oferecer apoio mútuo, para crescerem juntos e amadurecerem emocionalmente. Aliás, estes dois sempre contarão com uma química misteriosa e com o apoio recíproco, quer sejam sócios, amantes, cônjuges, amigos, irmãos ou familiares.

  • Fernando Leal

    Câncer e Sagitário

    Este é um encontro de dois signos com temperamentos bem diferentes. Câncer é um signo de Água, retraído, tímido, intimista, apegado e emotivo. Sagitário é de Fogo: confiante, extrovertido, aventureiro e expansivo. Portanto, um relacionamento duradouro entre eles parece pouco provável, a não ser que estejam dispostos a se compreenderem e a se complementarem. A irreverência e a franqueza de Sagitário podem ferir os sentimentos de Câncer. Os melindres, as cobranças e as chantagens emocionais do canceriano são difíceis de serem suportadas pelo sagitariano, que gosta de espaço e liberdade. Passados os momentos tensos, posteriormente até darão muitas risadas juntos dessas lembranças. Com o tempo, a sensibilidade e a compreensão de Câncer, combinadas com a energia e a fraqueza de Sagitário, têm chance de resultar numa parceria produtiva. Sagitário, embora seja independente por natureza, aprecia o ombro e o colo de um companheiro tão romântico e acolhedor. Por sua vez, os cancerianos têm oportunidade de ter valiosas lições sobre otimismo, entusiasmo, bom humor e leveza.

  • Fernando Leal

    Câncer e Capricórnio

    Esta é uma junção entre dois signos opostos e complementares que quase sempre é positiva. Ambos são prudentes, valorizam a segurança e pensam no futuro. A tendência é de um relacionamento duradouro, baseado na confiança e no respeito recíproco. Sexualmente, a intimidade será conquistada aos poucos, pois são reservados e não têm pressa. Contudo, existem forças opostas a serem compreendidas e aceitas: Câncer é instintivo, emotivo, acolhedor, tímido e familiar; Capricórnio é prático, pragmático, racional, realista e determinado. É importante que se aceitem e não entrem em guerra. Capricórnio deve aprender a reservar um pouco mais de tempo para o lar e a família, pois tem tendência para trabalhar demais. Em compensação, Câncer precisa superar seus melindres e suas chantagens emocionais, que são poucos tolerados por Capricórnio, e pode aprender com ele a ser mais ponderado, estratégico e objetivo. De qualquer maneira, Capricórnio encontrará um porto seguro em Câncer, que verá em Capricórnio a segurança, o comprometimento e a proteção que tanto ele valoriza.

  • Fernando Leal

    Câncer e Aquário

    Um relacionamento entre signos com personalidades tão diferentes tem poucas chances de sucesso, a não ser que existam outras configurações favoráveis nos mapas astrológicos do casal. Aquário é um signo de Ar: excêntrico, inovador, mental e independente. Câncer é um signo de Água: conservador, retraído, emocional, acolhedor e apegado. É complicado, mas não impossível. O relacionamento resistirá se um conseguir se adaptar ao outro. Aquário é avesso às regras, gosta de improvisar, é espontâneo e nada convencional. Câncer prefere planejar a vida, é caprichoso, romântico e melindroso. É importante que haja diálogo, paciência e compreensão, inclusive sobre as questões econômicas, pois o canceriano está sempre preocupado com a segurança, é avesso às imprudências, e o aquariano não se importa tanto com isso. Câncer conquistará o aquariano com sua atenção e seu cuidado, mas deve evitar cobranças e demasiado apego, pois Aquário valoriza a liberdade. Por sua vez, Aquário encontrará em Câncer o apoio emocional para concretizar suas ideias revolucionárias.

  • Fernando Leal

    Câncer e Peixes

    Este é um encontro de dois signos de Água: românticos, sensíveis e sonhadores. A relação tem tudo para ser produtiva se ao menos um dos dois cultivar o mínimo de praticidade. Caso contrário, se perderão em sonhos irrealizáveis, discussões sentimentais, melindres, manias poéticas e fantasiosas. A atração entre eles é instantânea e marcante, mas há chances de ser uma união duradoura: se apaixonarão por conta dos vários pontos em comum. Câncer é cuidadoso, carinhoso e acolhedor. Peixes é introvertido, intuitivo e emotivo. Tudo isso também favorece a amizade. Peixes encanta o canceriano com sua inspiração, com seus arrebatamentos artísticos. Por sua vez, Câncer traz para Peixes segurança, apoio e valores tradicionais mais estáveis. Ambos apreciam as relações íntimas, os laços afetivos, o aconchego do lar. Tendem a compreender os sentimentos e as necessidades do outro intuitivamente, numa relação quase telepática. Mas é preciso também que cultivem segurança, alguma objetividade, para que não se desgastem emocionalmente com questões financeiras – este é o ponto fraco do casal.

Mais Horóscopo